Os sintomas mais comuns associados à dor de garganta incluem: sensação de boca seca ou inchaço e dor ao deglutir, durante a respiração ou ao falar.

Em alguns indivíduos a dor de garganta manifesta-se como único sintoma mas muito frequentemente pode apresentar-se juntamente com tosse, dores articulares generalizadas, espirros, nariz a escorrer ou febre.

Na maioria dos casos (principalmente na presença de constipação ou gripe), a dor de garganta resolve-se numa semana. Por vezes, mais raramente,necessita de um tratamento específico para melhorar.

Em caso de dor de garganta ligada a patologias mais graves, podem ser considerados os seguintes sintomas: presença de placas na garganta ou nas amígdalas, gânglios linfáticos cervicais anteriores inchados (amigdalite), incapacidade de deglutir, dor de garganta que não melhora por si ou que retorna continuamente, cefaleia, erupções cutâneas, vómito, febre alta.

Leia atentamente as advertências e as instruções de utilização.

Aboca